processo eb-5

Programa EB-5: Processo de Obtenção do Visto

O Programa de Investidor EB-5 oferece muitos benefícios, entretanto é necessário conhecer bem o processo de obtenção do visto e assim tomar tomar precauções a fim de evitar atrasos no processo ou inclusive a reprovação do candidato. Se neste momento você está buscando assessoria para avançar sobre o processo, solicite um atendimento exclusivo de um consultor de BAI Capital, companhia líder no setor.

Cabe lembrar que é necessário estar qualificado para o programa e que se trata de uma residência condicional durante os dois primeiros anos, período onde o candidato se converte residente dos Estados Unidos para que o mesmo consiga colocar em prática o seu projeto de investimento EB-5. Uma vez que a sua petição for aprovada, o investidor receberá a residência permanente.

Investimento Mínimo

Para que um investidor estrangeiro consiga obter o visto EB-5 é necessário este faça um investimento mínimo de $500,000 dólares em projetos de desenvolvimento imobiliário nos Estados Unidos, de tal maneira que o Green Card acaba sendo uma espécie de recompensa por fomentar a economia norte americana. O Green Card se estende a seus familiares, com isso, os que recebam esse benefício poderão viver, estudar e trabalhar nos Estados Unidos.

Como funciona o Processo de Obtenção do Visto Green Card por investimento

Os candidatos investidores que decidam obter o Green Card através do Programa EB-5 devem seguir algumas etapas até obter a residência permanente nos EUA. Conheça o processo de obtenção do visto do Programa EB-5.

Petição I-526

  1. Como primeiro passo do processo de obtenção do visto, você deverá enviar uma petição I-526 para o USCIS (Serviços de Cidadania e Imigração dos Estados Unidos) comprovando que você fez um investimento EB-5 já seja de:
  • forma direta em um negócio que suportará a criação de 10 postos de emprego nos EUA; ou
  • por meio de um centro regional que representa o USCIS, onde o capital aplicado por você investidor criará 10 postos de emprego nos EUA, já sejam diretos, indiretos ou induzidos.

Formulário I-485

Com a aprovação do pedido I-526, avançamos para o passo número 2 que será quando o investidor deverá enviar sua aplicação à residência permanente condicional por meio da entrada do formulário I-485, Aplicação de Ajuste de Status, também conhecida como DS-230, Pedido de Visto de Imigrante – esta etapa vai depender se o requerente a residência está atualmente nos EUA com status migratório como não-imigrante. Esse pedido é o que concederá e conferirá o Green Card para o investidor e seus dependentes elegíveis.

3. Como passo número 3, os investidores sempre deverão comprovar que os requisitos do EB-5 foram respeitados e cumpridos ao término dos dois anos de residência temporal nos Estados Unidos, e só assim poderão dar entrada na petição I-829 para remover então as condições associadas à sua residência condicional. Após esse processo o investidor e seus cônjuges já se tornam oficialmente residentes legais permanentes obtendo o Green Card com validade por dez anos, finalizando assim o processo de obtenção do visto.

Como participar do Programa de Investidor Imigrante EB-5

Aqueles que desejam investir e requerer o visto EB-5 podem fazê-lo através de duas formas: investindo diretamente ou por meio de um Centro Regional EB-5. Na primeira opção o investidor individual deve buscar um projeto de investimento por conta própria e por consequência assumir uma relação direta no processo de supervisionar o gerenciamento do projeto. Se você é um investidor com esse perfil, talvez essa opção pode funcionar para ti.

O processo de obtenção do visto mais popular e que tem a confiança dos investidores brasileiros é o método operado através de um Centro Regional EB-5. Sem sombra de dúvida essa opção funciona para aqueles que possuem interesse na questão migratória que o investimento no programa outorga como benefício. O USCIS (Serviços de Cidadania e Imigração dos Estados Unidos) designa Centros Regionais para administrar projetos de investimentos EB-5, ou seja, eles são os responsáveis de assessorar o investidor em todo o processo, o que ajuda a reduzir possíveis problemas que podem acontecer quando o investidor decide pelo investimento direto. As estatísticas apontam que cerca de 90% dos candidatos investidores no Programa de Investidor Imigrante EB-5 decidem investir através de um Centro Regional.

O Investimento necessita gerar empregos

Um dos requisitos do Programa de Investidor Imigrante EB-5, de acordo com o USCIS, é que o investimento EB-5 deve criar ou preservar mínimo 10 posições de trabalho de tempo integral para os trabalhos nos Estados Unidos qualificados para as posições. Durante o período de dois anos da residência permanente condicional do investidor em território americano deve acontecer a criação ou preservação dos postos de trabalho. Esses empregos podem ser considerados empregos diretos, indiretos ou induzidos. O candidato, de maneira obrigatória, deve comprovar que o seu investimento aplicado no Programa EB-5 contribuiu no entorno laboral de funcionários que trabalham no projeto que recebeu o investimento.

Quantidade de vistos EB-5 emitidos por ano

A cada ano fiscal os Serviços de Cidadania e Imigração dos Estados Unidos (USCIS) reservam 10.000 vistos para investidores qualificados para o Programa de Investidor Imigrante EB-5. Podemos considerar um número grande já que esse contingente nunca foi alcançado, ainda que haja um aumento considerável no número de participantes do programa. Se acredita que essa atenção que o programa tem recebido se dá por conta de um aumento a confiança e credibilidade que se desenvolveu ao longo dos anos.

Agora que você já conhece o processo de obtenção do visto, conheça os erros a evitar ao buscar obter o Green Card por Investimento

Manhattan